Login

Lost your password?
Don't have an account? Sign Up

Bruna Rocha - Bancária
Juntei-me à AFM há cerca de 3 anos. Comecei por treinar 1 a 2 vezes por semana e rapidamente passei a treinar 3 ou mais vezes…aumenta o bem-estar físico e psicológico. É uma experiência única e na minha opinião treinar ao ar livre só traz benefícios. Notei uma clara evolução nas minhas capacidades físicas, aumento da massa muscular, aumento da resistência, é um treino bastante completo e único!

Sarah Martin - Professora
Fazer uma meia maratona? Eu? Esquece!! Eu nunca imaginei que seria possível correr 10k..nem pensar correr 21k! Mas por causa da academia… Eu fiz coisas que pensei impossível – (even winning uma meia maratona) . Acho que o ambiente na academia fez me confiante, treino com boas pessoas é divertido, e tem tido um grande influência na minha vida. Eu fiz amizades e treinei a minha mente, corpo e alma. Agora estou mais determinada e motivada e saudável.

Liliana Antunes - Médica
A prática de exercício traz claros benefícios à saúde física e mental!

Encontrei na Academia um grupo jovem onde cada aula é uma superação (e ninguém fica para trás!) e que traz benefícios a nível físico e mental! Um elixir após a agitação do dia-a-dia. Sai do sofá, vem treinar connosco!

Ricardo Costa - Gestor Comercial
Entrei na AFM através de convite de um colega. A primeira aula para conhecer e experimentar foi há 2 anos.
No primeiro dia senti o “peso” e a falta de folego para acompanhar a equipa. Mas depois com o treino semanal, progredimos sempre mais e sentimos mesmo uma necessidade contagiante de treinar. Os resultados aparecem e sentes na tua forma física, na definição do corpo e na resistência essa melhoria dia após dia.
Além de tudo, treinas ao ar livre, de forma variada, em diferentes locais ou horários, com diversas pessoas que juntos fazem uma equipa liderada por um Instrutor que nunca te permite desistir a meio ou dizer não consigo.

Sofia Freitas - Advogada
Na AFM encontrei um ginásio feito à minha medida, onde o teto é o céu, as máquinas são montes e vales, bancos de jardim, pedras perdidas, a passadeira umas vezes é feita de relva, outras de areia ou asfalto, o ar condicionado nunca avaria. Na AFM, o espírito de entreajuda, o sentimento de camaradagem, o mandamento de que “nenhum homem fica para trás” fizeram com que superasse objetivos e ultrapassasse expectativas. Obrigado AFM por tudo o que me dás.

Nuno Fernandes - Investigador
No final do verão senti que queria combater aquela barriga que me fazia sentir desconfortável. Não gosto de ginásios e queria algo que me motivasse. Já tinha reparado no grupo que fazia exercício ao ar livre junto à cauda da baleia e procurei saber como funcionavam essas aulas. Encontrei informação no facebook e combinei uma aula experimental com o António Palma.

Como achava que tinha uma condição física decente, tentei acompanhar o grupo nos primeiros minutos. Não consegui e tive de ir parando para ganhar folego. Para mim foi como um desafio. “Tenho de conseguir”. Essa meta já foi largamente atingida. A cada dia estabeleço novas metas, e com o passar do tempo, tenho-as atingido. Viciei-me! Os treinos são intensos e sinto que estou a aproveitar bem o pouco tempo que tenho disponível. Um outro fator para que leve muito a serio o treino, é não haver desculpas para não ir.

Se pensarmos que o treino é ao ar livre, e que durante o verão é espetacular treinar junto à praia com as ondas a rebentarem, as gaivotas a grasnarem…mas no inverno não é bem assim. Naqueles dias em que chove intensamente, que está um frio tremendo, são dias que não apetece. Na AFM não há intempérie que possa desculpar uma “balda”. Tomar a atitude de ir é o mais difícil. Os treinos mais duros são os que nos ficam na memória. Divirto-me nos treinos, vou com prazer e quando não posso ir, sinto que fico menos bem! A AFM é o clã que eu procurava.

Margarida Barroso - Farmacêutica
Depois de estar entre 8h a 9h fechada no trabalho, ir para um ginásio à noite e fechada outra vez, a motivação era ZERO. Optei por começar com umas caminhadas no paredão de Oeiras e eis que encontro a AFM. Após uma simpática abordagem pelo instrutor António Palma decidi experimentar; a AFM tinha as condições que eu pretendia num ginásio, salas amplas, arejadas e uma vista panorâmica fantástica. Ao longo destes 22 meses que estou na AFM o meu balanço é muito positivo, comecei a praticar exercício físico regularmente, o que me permitiu melhorar a minha qualidade de vida quer a nível físico quer a nível psicológico que passo a citar alguns dos mais relevantes em mim:

Capacidade funcional, postura, aumento da resistência aos esforços físicos e ao stress, desempenho fisiológico, padrões de sono, prevenção e ou redução da tensão arterial, manutenção e desenvolvimento das estruturas ósseas e musculares, uma maior perceção de eficácia e controlo pessoal -melhor perceção de bem estar. Espero conseguir mais e melhor e continuar a superar me a mim mesma… Há que salientar também que o espirito de entre ajuda e camaradagem no grupo é fantástico.

Filipe Duarte - Investigador
Para além de ser uma forma de fazer exercício e aliviar o stress do dia a dia, na AFM aprendemos a importância do companheirismo. Nenhum camarada fica para trás.